Hoje em dia não é mais novidade o fato de que dificilmente uma empresa consegue crescer sem tecnologia. Muitas estão na vanguarda desse mercado, outras surfando na onda do que já existe para melhorar seus processos, produtos ou serviços já existentes, mas todas, de alguma maneira, precisam trabalhar com tecnologia.

Nesse sentido, sistemas de gestão integrados (mais conhecidos como ERP, sobre o qual já falamos muito no nosso blog – confira aqui), podem ser considerados uma premissa básica para empresas que desejam evoluir, usufruindo do melhor que a tecnologia proporciona. Mas se você acompanha o nosso blog ou já está inserido na área, isso também pode não soar como uma novidade, não é mesmo?

Por isso, o tema de hoje são as principais tendências em ERP para este ano que está se iniciando. E acredite, ainda dá tempo de se adaptar:

1) Nuvem
É fato que a cloud computing já deixou de ser tendência faz tempo, e hoje é uma realidade presente na maioria das empresas. A questão aqui, é que um bom ERP deve fornecer diversas opções de recursos e, para isso, as soluções baseadas em nuvem acabam sendo as melhores opções. Com isso, a empresa pode obter ganhos desde a gestão de capital humano até o relacionamento com o cliente, além de operar um sistema que acompanha as evoluções do mercado e garante a disponibilidade das informações.

2) Dinamicidade
A expectativa é que o mercado caminhe em direção a soluções mais inteligentes e dinâmicas, de modo que soluções estáticas e tradicionais de ERP fiquem para trás. Isso possibilita gerar praticidade – fator que toda empresa busca hoje em dia – e confiabilidade com dados consistentes, atualizados e mais simples de entender.

3) Inteligência
Toda a parte analítica e em nuvem do ERP pertencem ao que há de mais avançado em termos de tecnologia. Aprendizado por máquinas e tecnologia cognitiva estão entre as principais novidades. É importante que o ERP consiga, além de possuir todas as funcionalidades necessárias para o backoffice de um negócio (como financeiro, vendas, compras e faturamento), adaptar-se e criar suas próprias funcionalidades, específicas para as particularidades do seu negócio.

Mais do que uma tendência, investir em ERPs realmente poderosos é uma questão de vantagem competitiva, na qual a redução de custos que é proporcionada, faz valer em pouco tempo o valor investido inicialmente. No entanto, é preciso ficar atento, pois os valores praticados por determinadas empresas podem estar além do “aceitável” e podem desanimar um pouco.

Na verdade, são diversos os aspectos envolvidos na escolha de um bom ERP que se adapte exatamente às necessidades da empresa, ao passo que é algo de extrema importância para quem está considerando implantar um ERP na empresa. Portanto, a melhor opção é manter sua mão de obra interna alocada na estratégia de tecnologia da empresa, e contar com uma consultoria especializada no assunto.

Nós da DiferenciAll, possuímos anos de experiência e diversos cases de sucesso com empresas potencializaram seus indicadores de negócio, graças à escolha, implantação e operação de um ERP estritamente aliado às suas necessidades e processos.

Call-to-action-DiferenciAll

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Assine nossa newsletter para ficar por
dentro das nossas novidades.